Xº Caminho da Ilha

17 a 24 de novembro de 2012

Nesta manhã de domingo fui acordando de mansinho com consciência de que o Caminho da Ilha havia terminado.
A saudade não foi menor do que a do ano passado, em um misto de angústia e satisfação. Angústia por haver terminado, satisfação por ter cumprido a tarefa com o melhor de mim.

Logo a emoção começou a rolar ao lembrar a partida, após breve oração, sob a figueira centenária da Praça XV. Ao atravessar a beira mar sul pela passarela, os irmãos do norte tomaram a direita e os irmãos do sul rumaram pela esquerda. Nomes nos crachás, olhares interrogativos, dúvidas, perguntas e respostas. Nossos passos aos poucos iam devorando a distância.

Eu sempre tive a consciência de que o Caminho da Ilha nos modifica, nos dá novas perspectivas e a cada ano, cada vez que o percorremos ele vem com novas surpresas. A primeira, foi que a exemplo de outras caminhadas, as pessoas iniciam com a natural armadura da individualidade, as vezes difícil de despir. Desta vez, não, quando muito foi necessário um suave afago, uma pequena oferta de ajuda ou um sorriso para que o elo fosse formando a forte corrente da solidariedade, do companheirismo e da união, que sempre se fizeram presentes.

Santiago pediu a Deus que fosse generoso conosco e Deus foi! Nos deu presentes, cortou a chuva e mandou uma suave brisa para nos refrescar, mandou 6 guias que nos ajudaram tanto. Para a família do sul mandou um violão com lindos acordes e uma voz melodiosa para nossos finais de tarde. Para os do norte, mandou muita alegria, generosidade e descontração. Nos deu alimentos, um lugar para repouso. Nunca nos faltaram água, nem ânimo e graça para prosseguir andando. Deu-nos também exemplos fantásticos, exemplos que deram asas ao nosso pensamento e cada um a seu modo, foi filtrando e guardando na memória para depois aos poucos ir melhorando seu viver.

As belezas da ilha em seus recantos naturais servirão de moldura as nossas lembranças e as nossas emoções que afloravam diante de nosso corpo cansado de tanto caminhar em direção a novos aprendizados.

Agradecer! Eu não quero e não posso deixar de agradecer a Deus e a Santiago de Compostela, nosso padroeiro, pelo bom caminho percorrido.

Obrigado aos participantes que aqui vieram e que são a causa principal desta jornada.
Aqueles que organizaram, que guiaram, que apoiaram, que hospedaram.

O apoio – o primeiro, em uma casa construída pelo amor, pela paz que protege um lindo casal de peregrinos. Obrigado Cenoer e Lucimar.

Outro, sob a sombra do bosque do Moçambique. Obrigado Maurício, Clarice, Ana, Vanisi e Zélia!

Os guias – Fernando, Cirlene, Adelaide, Ecilda e Jaci. Lindo exemplo de solidariedade, segurança e coragem por assumir. Obrigado!

Colaboradores – indistintamente a todos os associados que sempre incentivam e para aqueles que nos auxiliam diretamente. Obrigado!

A diretoria, a quem eu bato no peito por orgulho de tê-los escolhido. Obrigado!

A todos os participantes do X Caminho da Ilha que corajosamente o percorreram, obrigado!

Hoje para mim é um dia de paz, de gratidão, de saudades e de sentimento feliz por cumprir um grande propósito.

A emoção ao lembrar a saída sob a figueira apertou o coração, mas apertou mais ainda ao lembrar a chegada da família do sul, em bloco pela Rua da Vitoria Regia, entrando na sede de mãos dadas e da família do norte pelo portão sul, também unidos, ambos comemorando a vitória que consiste em sairmos e chegarmos juntos em paz e com alegria!

Forte abraço.

Rudi Zen


Filme de Suzana Masetti:
Traduzo minha emoção e a alegria de ter participado do X Caminho da Ilha neste pequeno “filminho” que fiz pra todos vocês.

Com carinho,

beijosssss,
Suzana


Fotos de Ana Zen:


Fotos de Maurício Berka:


Fotos de Ecilda Pessoa de Lima:


Fotos de Adelaide Perboni:


Fotos de Itamar de Oliveira Vieira:


Fotos de Maria Cirlene Cordioli:


Fotos de Maristela Domanski:

Fotos do dia 17/11/2012

Fotos do dia 18/11/2012

Fotos do dia 19/11/2012

Fotos do dia 20/11/2012

Fotos do dia 21/11/2012

Fotos do dia 22/11/2012

Fotos do dia 23/11/2012

Fotos do dia 24/11/2012